como reposicionar marca com sucesso

Como reposicionar sua marca com sucesso

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Pin on Pinterest0

Seja para acompanhar as mudanças do cenário econômico, expandir o negócio ou enfrentar os concorrentes, há situações em que as empresas precisam se recolocar no mercado e repensar sua estratégia de comunicação.

É nesse momento que se faz necessário um reposicionamento da marca. Quer saber como fazer isso sem errar o alvo? Veja aqui.

Faça um diagnóstico da situação

É muito importante conhecer o cenário socioeconômico. Analise os pontos fortes e fracos da sua marca, assim como seu posicionamento atual e a situação dos seus concorrentes.

Um exemplo: nos anos 90, as vendas das Havaianas começaram a cair. O problema? O produto não tinha um diferencial e a percepção de qualidade era negativa.

A Alpargatas SA, proprietária da marca, melhorou o produto e começou uma intensa campanha de reposicionamento, associando o chinelo a celebridades com o bordão: “Havaianas, todo mundo usa”.

Ouça o seu público

É normal que seu público-alvo mude com o passar do tempo. Novas tendências e novos estilos de vida influenciam a decisão de compra dos consumidores.

Uma ótima maneira de conhecer melhor o seu público alvo são as pesquisas quantitativas e qualitativas. É uma oportunidade para pensar em como você quer que sua marca seja percebida e qual espaço ocupar.

Por exemplo, o Boticário, consciente de que seu público mudou, resolveu modernizar-se em 2011. Porém, antes de escolher o novo caminho, passou mais de dois anos realizando pesquisas com os consumidores.

Reposicione-se

Depois da análise e de ouvir seu público-alvo, você pode realmente começar a reposicionar sua marca no mercado. Isso pode ser feito por meio de uma nova estratégia de comunicação ou rebranding.

É preciso ter muito embasamento técnico, como pesquisas e grupos de teste, por exemplo. Afinal, da mesma forma que uma ação de reposicionamento pode fortalecer sua marca, ela também pode afundá-la.

Nos anos 80, por exemplo, os executivos da Coca-Cola Company ficaram preocupados com o sucesso da Pepsi. Em uma tentativa de reconquistar o público mais jovem, eles mudaram o sabor do seu refrigerante. O prejuízo foi grande: US$ 1 bilhão em três meses.

Comunique seu reposicionamento

Sua nova estratégia de comunicação precisa estar em evidência.

Das lojas às redes sociais, por meio de campanhas online ou offline, mostre a nova personalidade da marca aos seus consumidores, fornecedores e funcionários.

Em 2011, a C&A começou a fazer parcerias com estilistas e celebridades em suas coleções. Esse novo posicionamento fica óbvio nas roupas estilosas, mas casuais, da marca e na decoração das lojas. Hoje, a C&A tem um público muito mais abrangente.

Monitore seu desempenho

A ação de reposicionamento de marca não é algo que deve ser feito sempre. Por isso, monitore o seu negócio. Compare as métricas antes e depois do reposicionamento como forma de avaliar seu desemprenho.

Além disso, adapte-se às mudanças que surgirem no meio do caminho.

Avanços tecnológicos, tendências e, inclusive, estratégias de concorrentes podem influenciar o mercado. A partir do momento em que você está preparado para essas mudanças, fica mais fácil diferenciar as oportunidades de ameaças.

Créditos da imagem: Flickr/hikingartist

Quer uma estratégia para reposicionar sua marca com sucesso no mercado? Procure a Imaginatto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>